10 curiosidades (que você nem imaginava) sobre o café

Que o café a bebida mais apreciada ao redor do mundo, não é novidade. Mas você sabia que antigamente ele era consumido cru? Parece distante demais pensar que essa iguaria já foi consumida como “amendoim”, mas esse não é o único fato curioso sobre o café. Descubra as 10 maiores curiosidades sobre a bebida.

1. Cru

Bom, todos sabem que o café é um grão que é prensado para extração do grão, torrado, moído e posteriormente se transforma em bebida. Mas nem sempre ele foi consumido assim. Tudo indica que o grão foi descoberto na Etiópia, por volta do ano 500, e o fruto era consumido cru ou, em alguns casos, era macerado e consumido como uma farofa misturada a outros alimentos, como refeições em geral. Foram 500 anos depois, no ano 1000, que se descobriu a infusão, tornando o café uma especiaria para ser consumida em sua forma líquida.

2. O vinho árabe

Você viaja para um país e, como a maioria deles, há uma bebida típica e deliciosa apreciada por lá. E então, quando os europeus entraram em contato com a cultura árabe, uma das coisas que chamou sua atenção foi a bebida escura que consumiam diariamente. No Oriente, eles a chamavam de “Qahwat-al-bun“, que na tradução para o português seria algo como “vinho de grão”. Mais tarde, “Qahwat” (cajua) se tornou “kahveh” (kajve em turco) e de lá para outras línguas semelhantes: coffee em inglês, café em português. Em japonês seu nome é “Koji” e em chinês “kafei guan”.

3. O café no Brasil

Mas se o café surgiu na Etiópia, como ele veio parar em terras brasileiras se tornando paixão nacional? A primeira muda de café foi trazida por Francisco Palheta, que viajou para a Guiana Francesa no século XVIII e lá recebeu de presenta da esposa do governador local algumas sementes de café. Foi por causa desse presente que o Brasil se tornou o maior produtor de café do mundo.

4. Foi amaldiçoado

Como Tom Standage nos conta no livro “história do mundo em 6 copos”, o café chegou a ser proibido na cidade de Meca, na Arábia Saudita, pelo governador local Khair Beg em 1511. O café foi considerando semelhante ao vinho (que é proibido pelo Alcorão). O café então foi apreendido e queimado nas ruas. Os vendedores e seus clientes foram espancados como punição, mas, após poucos meses, as mais altas autoridades do Cairo derrubaram a decisão de Khair Beg que foi substituído como governador no ano seguinte.

5. Mas logo, abençoado

Ao chegar à Europa, o café não foi bem-visto pelos religiosos, mas isso não durou muito tempo. Quem reverteu esse cenário foi o papa Clemente VIII (1592-1605), que não resistiu ao aroma do café e resolveu provar a bebida, logo se apaixonando pelo sabor único e marcante a iguaria. Acredita-se que as palavras proferidas pelo Pontífice foram: “É uma bebida tão deliciosa que seria um pecado permitir que ele só fosse apreciado pelos hereges. Derroto Satanás abençoando-a. Não contém nenhuma objeção para um bom cristão”.

6. Segunda mais consumida no Brasil

Segundo a ABIC, Associação Brasileira da Indústria de Café, no Brasil o café só perde para a água, se tornando a segunda bebida mais consumida em território nacional, fazendo-se presente em mais de 90% dos lares.

7. A aviação deve muito ao café

Se hoje o avião é um dos meios de transporte mais importantes já inventados, ele deve muito da sua história ao café. Isso porque, Santos Dumont, conhecido como o “pai da aviação” por ter inventado o 14 Bis, precisou de muito apoio. Esse veio de seu pai, Henrique Dumont, produtor de café que possuía uma fazenda no interior de São Paulo e os lucros vindos do café ajudaram a financiar os estudos de Santos Dumont.

8. Aliado das mulheres

A Turquia não é o país que mais produz grão, mas o café turco tem um estilo particular, com sabor concentrado, sendo reconhecido como um país onde a bebida tem enorme importância cultural. Para ter uma ideia, em 1475 foi estabelecida uma lei pelo então Império Otomano que permitia que mulheres pedissem o divórcio caso os maridos não lhes dessem uma quantidade diária de café. Pasmem.

9. Kiva Han, a primeira

Hoje em dia as cafeterias são extremamente comuns e estão por todos os cantos, espalhadas pelo país. Mas se hoje isso é possível, agradeça à Kiva Han. A primeira cafeteria do mundo foi inaugurada entre os séculos XIV e XV, em Constantinopla, hoje Istambul, maior cidade turca. Naquela época, a cafeteria já era considerada um local de encontro para quem queria relaxar e ter longas conversas enquanto bebericava a bebida.

10. Na trave

Para finalizar, após perder apenas para a água como bebida mais consumida no Brasil, ficando em segundo lugar, o café só perde para o petróleo entre os elementos mais comercializados ao redor do Mundo. Ou seja, em termos de iguaria para consumo humano, ele é o primeiro.

GOSTOU DA MATÉRIA? CURTA E COMPARTILHE:
Twitter
LinkedIn
Facebook
Google+
http://bari.amaquinadecafe.com.br/10-curiosidades-que-voce-nem-imaginava-sobre-o-cafe">
Pinterest
 
Tia do Café
Menu
Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial